quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

2. Imaculada Conceição

Virgem Maria, estrela que orienta a vida da Igreja, diz Bento XVI
Papa reuniu-se para rezar o Ângelus com os peregrinos na solenidade mariana
CIDADE DO VATICANO, quarta-feira, 8 de dezembro de 2009 (ZENIT.org).- A Virgem Maria é a estrela que ilumina e guia a vida da Igreja e de todos os fiéis, afirmou Bento XVI hoje, solenidade da Imaculada Conceição.
Em sua intervenção do Ângelus ao meio-dia, com os peregrinos reunidos na Praça de São Pedro, o Papa afirmou que esta solenidade é uma “das mais belas festas” marianas.
“Que dom imenso é ter por mãe Maria Imaculada! Toda vez que experimentamos nossa fragilidade e a sugestão do mal, podemos nos voltar a Ela, e nosso coração recebe luz e conforto”, disse o Papa.
“Também nas provações da vida, nas tempestades que fazem vacilar a fé e a esperança, pensemos que somos seus filhos e que as raízes de nossa existência afundam na infinita graça de Deus.”
“A própria Igreja, ainda que exposta às influências negativas do mundo, encontra sempre Nela a Estrela para orientar-se e seguir o caminho indicado por Cristo. Maria é de fato a Mãe da Igreja, como proclamou solenemente o Papa Paulo VI e o Concílio Vaticano II”, disse o Papa.
Bento XVI confiou à Virgem Imaculada “cada um de nós, nossas famílias e nossas comunidades, toda a Igreja e o Mundo inteiro”.
À tarde, o Papa foi até a Praça de Espanha, no centro de Roma, para render homenagem a Maria, levando flores a um monumento a Ela dedicado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário