segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Será que o sertão vai mesmo virar mar e o mar sertão?

Sabemos que este é um dito antigo aplicado a "Antonio Conselheiro". Não se sabe ao certo o que acontecerá no futuro distante, mas no futuro próximo já se pode prever muitas coisas. O COP15 deu provas que ainda falta uma real preocupação com o "outro". Todos olham pra si e para seus progressos e qualidades de vida. Qualidade esta estipulada e defendida por meia dúzia, que por nenhuma hipótese abre mão. Contudo, ignoram ainda que vivemos em função do outro. Precisamos do outro. O mundo precisa ser salvo. E se isso não acontecer num futuro próximo, possivelmente veremos realizada a profecia naquele futuro que pode estar mais que próximo. Deus tenha misericórdia de nós! Assim seja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário